Caps AD recebe melhorias na sala de oficina e na área de convivência

Secretários, servidores, professores, estudantes e pacientes, conheceram os novos espaços

Secretários, servidores, professores, estudantes e pacientes, conheceram os novos espaços

A manhã da última segunda-feira (13) foi de comemoração para servidores e pacientes do Caps AD, o Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas. O espaço, que presta por mês cerca de 600 atendimentos, ganhou uma nova decoração na área externa de convivência, com colocação de jardins suspensos e orquidário. A sala onde são realizadas as oficinas de trabalhos manuais foi toda reorganizada, ganhou pintura e prateleiras para a exposição das peças feitas no local.

A transformação do espaço foi uma necessidade sentida pela equipe, há dois meses, quando Francisco Ferreira, um paciente muito querido por todos, faleceu, vítima de um atropelamento. “Seu Chico não sabia a força que tinha. Essa dor que vivemos pela perda dele se transformou em uma energia linda, que nos tornou capazes de fazer tudo isso o que nós vemos hoje. Seu Chico representa tudo aquilo que somos, nossas dúvidas, nossas incertezas mas também a nossa força de superação”, disse emocionada a coordenadora do Caps AD, Stela Marys.

Também emocionada, estava a família do seu Chico Lorota, carinhosamente apelidado assim pelo gosto em contar boas histórias. “Meu irmão falava muito bem de todos aqui, como uma família para ele mesmo. É um momento de muita emoção, não tenho nem palavras”, disse João Martins.

O trabalho foi feito pela equipe do Caps AD, pelos pacientes e pelos professores e estudantes do curso de enfermagem do Pitágoras. “Foi um trabalho de quem acredita, de mãos que acreditam”, afirmou Rosilene Faria, professora da Pitágoras. “Esse é o nosso papel como enfermeiros: semear o cuidar! Hoje é o resultado de um trabalho que visa este objetivo”, complementou o coordenador do curso, Carlos César Barbosa.

“Tudo isso o que estamos vivendo aqui hoje é muito tocante. Para chegar até aqui foi uma história maravilhosa. É um trabalho difícil mas extremamente gratificante, fruto da disposição e do empenho de todos os envolvidos, que estão de parabéns”, afirmou o secretário de Saúde, Carlos Mosconi, acompanhado do secretário adjunto de Saúde, Flávio Togni.

O Caps AD atende a encaminhamentos feitos por médicos, pelas escolas, pelas famílias ou pela justiça, além de pacientes que procuram o serviço, de forma voluntária. A equipe multidisciplinar de saúde é composta por psiquiatra, terapeuta ocupacional, enfermeiro e auxiliares de enfermagem, assistentes sociais, psicólogos e oficineira. As atividades incluem acolhimento, grupos terapêuticos, oficinas, atendimento psicoterápico individual e acompanhamento das famílias dos pacientes. O Caps AD na rua Paraíba, 200. O atendimento é de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h.

Legenda: Espaços foram reorganizados, pintados e ganharam nova decoração

Legenda: Secretários, servidores, professores, estudantes e pacientes, conheceram os novos espaços na manhã desta segunda, 13

Tags: ,

No comments yet.

Leave a Reply